Substitutos Do Leite De Vaca E De Outros Produtos Lácteos. Dicas

Substitutos Do Leite De Vaca E De Outros Produtos Lácteos. Dicas

Os benefícios do consumo de leite de vaca são evidentes e estão mais do que comprovadas. No entanto, existem pessoas que sofrem de intolerância ou alergia ao leite e necessitam de alternativas. Se você está nesta situação, neste post informamos os vários substitutos do leite de vaca. O leite de vaca é um dos alimentos mais completos.

Contém um alto conteúdo de proteína, carboidratos e minerais. Especialmente recomendada por seu aporte de cálcio na fase de crescimento e na idade adulta para prevenir problemas de osteoporose. Existem substitutos de leite de vaca de um valor nutricional semelhante. Hoje em dia é muito fácil encontrar esses substitutos do leite de vaca nos supermercados ou em lojas especializadas para pessoas com intolerâncias.

de Acordo com a Fundação Espanhola do Aparelho Digestivo (FEAD), entre 20 e 40% da população sofre de intolerância à lactose (açúcar do leite). Essas pessoas têm um défice da enzima lactase, que é a que se encarrega de quebrar a lactose, para que o intestino possa absorvê-lo. Os sintomas são semelhantes aos de outras doenças (inchaço abdominal, diarréia, flatulência, dor abdominal, náuseas ou vómitos), por isso é importante descartar outras doenças antes de só consumir substitutos do leite de vaca.

A lactose cumpre funções importantes como favorecer a absorção do cálcio e é substrato da microbiota (flora intestinal), por isso é importante um diagnóstico médico antes de substituir o leite de vaca por outras alternativas. Por outro lado, uma contribuição semelhante de nutrientes não significa a mesma. Bebida de soja: é a alternativa mais comum para o leite de vaca. Não traz colesterol, o que a torna ideal para pessoas que desejam perder peso ou controlar o seu colesterol.

  1. 2 horas por dia, por três dias praticando Judô
  2. Lanche: Uma xícara de cereal alto em fibra, um copo de iogurte natural baixo teor de gordura
  3. A maior parte da comida rápida
  4. Se você pensa em fazer sprint, trota um tempo antes de iniciar

Reduz a incidência de osteoporose e a perda de cálcio, graças às isoflavonas, de ação semelhante ao estrogênio, o que aumenta a atividade da proteína p53, que é supressora de tumores de mama e próstata. Bebida de amêndoas ou avelãs: São mais calóricas, por sua maior ingestão de gordura favorável.

São ricas em cálcio e fósforo, que são interessantes na infância, gravidez e amamentação, para prevenir a osteoporose. Contêm fibras que impede a prisão de ventre e é baixa em sódio, tornando-a ideal para pessoas com hipertensão ou com retenção de líquidos. Bebida de aveia: se você não gosta da bebida de soja, a bebida de aveia é uma boa escolha dentro das alternativas ao leite de vaca.

Pelo seu conteúdo em hidratos de carbono é uma boa fonte de energia sem a ingestão de gordura. Os beta-glucanas ajudam a diminuir o colesterol e os ácidos biliares no intestino, absorbiéndolos e evitando que passem para o intestino. Bebida de arroz: Esta bebida é feita com os grãos de arroz, frescos, moídos e cozidos, e depois fermentados.

É uma bebida leve e doce, de fácil digestão. Seu conteúdo em triptofano, vitaminas do grupo B, fornecem energia e equilíbrio ao sistema nervoso. Contém menos calorias que a bebida de soja. Leite de alpiste: Estas sementes possuem grande quantidade de antioxidantes que previnem o envelhecimento precoce da pele. O alpiste é benéfico em processos inflamatórios por sua ação alcalinizante. É uma das bebidas vegetais que fornece menos calorias, pelo que é recomendada em dietas de emagrecimento.

Leite de coco: O leite de coco é produzido a partir da carne do fruto. Se ralla, é deixado de molho em água quente para que suba o creme e desnate e passa-se por um passador fino ou uma tela para espremê-lo e separar os sólidos que possa conter. O leite de coco contém fibras, vitaminas B5 (necessária para o metabolismo de carboidratos, proteínas e gorduras), B6 (necessária para o metabolismo de proteínas) B1, B3 e C, selênio, sódio, cálcio, magnésio e fósforo. Molhos salgados (bechamel, cremes de legumes, etc.): usa bebida de soja que não seja adocicada nem aromatizadas com baunilha. Elabora o molho como de costume, substituindo um ingrediente por outro.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: