Rotina Full Body Para Iniciantes

Rotina Full Body Para Iniciantes

Se você acabou de apontar para o gym. Hoje é o seu primeiro dia. Chegar, largar a mochila no guarda-roupa, e vai até a sala de máquinas. Procura o monitor de plantão, e com um pouco de nervos, lhe perguntas, Como se fosse um “clone” se receita uma rotina que maravilhosamente tirou de uma gaveta… Essa é a típica história que sempre se repete. Quem mais e quem menos, passou por isso. Uma pessoa que decide começar no ginásio o faz por diversos motivos, como por exemplo, procurar entrar em forma, melhorar o seu aspecto físico, potenciar outros esportes,…, todos têm um objetivo.

Por isso, deve-se analisar e oferecer que é o mais recomendável. Também deve ser obrigação do iniciante informar quais são os seus interesses (talvez jogue basquete, e precisa conciliar ambas as atividades, e até mesmo extrapolar os lucros do gym…). Mesmo assim, o importante é que tenha dado esse passo, e começar a receber os benefícios do treino com pesos.

Básico e essencial. Você não quer correr antes de saber andar… pois o mesmo critério se aplica aqui. Deveria ser a função da pessoa que está contigo nas instalações. Se não é o caso, existem muitos recursos na Internet, como vídeos e tutoriais passo a passo, mesmo assim, costuma ser algo mais complicado que não in situ, mas é um bom começo.

Por que uma Rotina Full Body para Iniciantes? O que vamos Conseguir com a Rotina Full Body para Iniciantes? Assim é. Nos exercícios anteriores, os básicos, vamos trabalhar com maiores cargas e menor número de repetições. Como nossa medição da RM é algo que ainda não precisamos de encontrar mesmo, vamos basear-nos sobre a nossa percepção do esforço ou intensidade da série.

As primeiras sessões será algo complicado, mas à medida que vamos tomando-bem, você vai ver como começaremos a entender o nosso corpo. Com este conceito, queremos dizer que temos que procurar um peso que nos permita sempre nos deixar 2 repetições na reserva. Até que você se canse… Sim, não tem motivo para mudar o foco, a menos que procure já outros objetivos mais específicos, e, nesse caso, passaria a treinar por meio de uma outra freqüência, acrescentar mais volume. Minha recomendação ao menos é o que nos mantenhamos com a rotina de corpo completo para iniciantes, pelo menos, 3 meses.

Quais são os tempos de descanso entre as séries que devo manter? Os intervalos são algo bastante subjetivo, talvez algumas pessoas precisem de alguns segundos a mais do que outros. Como norma, temos que estar suficientemente recuperados para enfrentar a série de garantias. Em alguns casos poderá oscilar entre um par de minutos, ou até menos. Se aplicarmos os exercícios multiarticulares ou de base, quando tomamos o limite superior de descanso. Como progresso na rotina? No início, os ganhos de força são notórias, crescem exponencialmente, mas infelizmente tocam teto e tendem a estancar, ou pelo menos, na maioria dos mortais.

Por isso, o aumento com cargas fazê-lo de forma moderada, subindo para a semana um pequeno intervalo, situado entre 2,5-5 kg, de acordo com o exercício. Como regra: se não conseguimos trabalhar o intervalo de repetições prevista, na próxima semana voltaremos a usar o mesmo peso. O que esquema continuamos na rotina? Vamos usar um esquema bastante típico: ABA – BAB.

  • 9 de dezembro de 2016 às 8:20
  • 1 Guerras Genpei
  • Há quem combina com a variedade mais pura de C. sinensis, o chá verde
  • 15 alimentos que você pode comer até a saciedade e não te fazem engordar

Deixando sempre um dia de descanso, e o fim-de-semana também. Desta forma, vamos treinar com frequência 2 dos básicos, pelo menos uma vez a cada duas semanas. Você pode treinar o resto dos dias? Quando treinarmos o Abdômen? Embora não se acredite, com o simples fato de fazer agachamento, peso morto… já estará trabalhando, e de boa maneira.

Se você quiser adicionar um extra, pode fazê-lo ao final da sessão ou incluí-lo ao terminar os dias de cardio/circuito metabólico. Entre os exercícios mais recomendados, sem dúvida: Prancha Isométrica e Ab Wheel. E os bíceps e tríceps? Calma, que mais uma vez antes. Concentre-se em conhecer a fundo a técnica dos exercícios mais importantes. Haverá tempo de introduzir e alterar os esquemas. Embora não se treinam diretamente, os levantamentos de exercícios como supino, incidem em potenciar estes músculos.

Quais são as causas da disfunção sexual? Muitas coisas podem causar problemas na sua vida sexual. Certos medicamentos, tais como os contraceptivos orais e as drogas de quimioterapia, doenças tais como a diabetes ou pressão arterial elevada, o uso excessivo de álcool ou as infecções vaginais podem causar problemas sexuais. A depressão, os problemas nas relações interpessoais ou o abuso (atual ou passado) também podem causar disfunção sexual.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: