“Parasites Of Wild Howlers (Alouatta Spp.)”

“Parasites Of Wild Howlers (Alouatta Spp.)”

O macaco vermelho, titi colorado ou macaco congo (Alouatta seniculus) é um primata do gênero Alouatta (macacos) que habita o norte da América do Sul. A espécie foi descrita por Linnaeus, em 1766, coletado por Jacquin, mas o primeiro não foi salvo. Anteriormente incluía dentro da família Cebidae dentro da subfamília Alouattinae, mas a raiz de estudos moleculares, foi comprovado o parentesco de Alouatta com os gêneros A., Brachyteles e Lagothrix (macaco-aranha (mamutes), formando a subfamília Atelinae.

] reconhece três espécies de Alouatta seniculus: A. s. A. s. juara e A. s. Em outra revisão taxonômica descreve sete subespécies, A. s. A. s. insulanus, A. seniculus ssp., A. s. A. s. juara, A. s. ] reconhece nove subespécies de Alouatta seniculus: A. s. A. s. arctoidea, A. s. A. s. macconnelli, A. s.

A. s. amazônica, A. s. A. s. puruensis, e A. s. no entanto, colocou em dúvida a validade de 4 deles, considerando a A. s. A. s. amazônica sinônimos de A. s. A. s. juara e A. s. ] reconhecem a subespécie de Trindade, A. s.], enquanto que a de A. s.

] O número cromossômico diplóide de A. s. Alouatta seniculus habita o noroeste da América do Sul, Venezuela, Colômbia, Equador, norte do Peru, e a noroeste do Brasil, no estado de Amazonas. A espécie é encontrada na floresta primária de baixa altitude, florestas secas decíduas, florestas de neblina, florestas de galeria, manguezais e florestas de várzea.

  • Pessoas com anemia
  • Se você quer queimar gordura de forma direta, fazendo cardio, este deve ser do tipo moderado
  • 13 de julho de 2014, às 22:38
  • Repetições forçadas
  • 02-Fev-2012, 12:59 AM Rotina para eliminar a gordura abdominal e peitoral,,, # 19
  • Muitos vegetais e produtos integrais
  • o Que evitar: g rasas transgênicas e saturadas, açúcares e doces, frituras, álcool
  • leite materno é relativamente sempre disponível para o bebê

É uma espécie de grande entre os macacos do Novo Mundo, mede entre 44 e 59 cm ou a sua cauda mede entre 54 e 79 cm Os machos têm um peso médio de 7,5 kg e as fêmeas 6,3 kg ] O aparelho vocal da espécie, especialmente o osso osso hióide que amplifica os sons durante as vocalizações, como em todos os bugios.

acredita-Se que a expansão da pele que cobre a região submandibular (saco gular) durante chamados relaciona-se com o desenvolvimento dos músculos masticatorios. Verificou-Se que o tamanho do músculo temporal com relação à origem, aumenta quando o animal cresce e existe maior dimorfismo sexual no músculo que em sua origem. Geralmente se reúnem em grupos que, em média, com 6 animais, mas foram observados em grupos maiores de 16 indivíduos, em territórios entre 4 e 182. Adotam-se, principalmente, a posição de quatro pés e fazem-no em 80% das vezes, enquanto se deslocam.

De acordo com os estudos realizados, estima-se que o cavaleiro vermelho investe seu tempo entre 22,2% e 29% do tempo alimentando-se, entre 43 e 63% descansando e entre 14,8% e 27% do tempo, movendo-se. São animais diurnos e alternam-se os ciclos de atividade durante os períodos de chuvas (dormem menos e anda mais) e épocas secas (dormem mais e anda menos). São arborícolas e descansam preferencialmente em árvores de médio e grande porte. Os grupos se encontram segregados em um tipo de organização social determinado pela idade. São animais sociais e o cuidado de crianças está a cargo de todas as fêmeas do grupo.

Normalmente, os comportamentos mais violentos entre grupos são os gritos e gritos prolongados, mas, ocasionalmente, o grupo espanta pode levar a que se apresentem contatos físicos. Quanto à aparência de um membro do grupo para outro parece estar dado as tensões sociais, a idade e a composição por sexo. Encontrou-Se em diferentes grupos grande variação na taxa e o padrão de aparência e este comportamento parece influenciado pelas diferenças particulares de cada grupo. As fêmeas adultas foram as que mais acicalaron os outros, conduta comum entre os”. Foi evidenciado que, ao atingir a idade reprodutiva as fêmeas são agrupados com fêmeas de diferentes grupos construindo novos grupos.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: