Assim É Como Eu Ajudei A Emagrecer Aos Meus Amigos Com Um Grupo Do WhatsApp

Assim É Como Eu Ajudei A Emagrecer Aos Meus Amigos Com Um Grupo Do WhatsApp

Quando um é especialista em um assunto, os amigos costumam pedir ajuda. A mim passa-me com o tema de perder peso e entrar em forma. Muitos amigos têm me pedido ajuda para perder peso e, com o tempo, você percebe que isso de mandar uma dieta por e-mail não funciona.

Hoje vou-vos contar a história de como eu ajudei a emagrecer aos meus amigos com um grupo do WhatsApp. Mas se sou rigoroso, o artigo deveria se chamar: “como ajudar a emagrecer meus amigos com um grupo de Whatsapp e uma folha de cálculo”. Soa um tanto estranho, mas vou explicar em detalhe a seguir.

um dia, Um de meus amigos aumento da conscientização de que queria perder peso, mas nada de dietas, nem de coisas que eu sabia que era difícil de cumprir. Queria mudar hábitos pouco a pouco e de forma efectiva. E criou um grupo no WhatsApp chamado: “Os Fracos” (meu amigo é um tesão, eu sei). A idéia era que todos os amigos que estivessem interessados, metieran no grupo e eu lhes fora dando orientações de alimentação e exercício para tornar mais efetiva a perda de peso. No grupo podemos nos motivar, compartilhar receitas, sessões de treino e coisas assim para ir melhorando o nosso estilo de vida.

Como desta vez parecia realmente motivados a meus amigos para perder peso, eu queria que, além de aprender a perder peso de forma saudável, se passassem bem, como se tudo isso de perder peso fosse um jogo. Disse-lhes que íamos fazer um jogo que durou 10 semanas. Cada sábado, ao levantar-se tinha que comparados, sempre nas mesmas condições e com a mesma escala. E tinham que mandar a foto do peso ao grupo.

Em função da porcentagem de peso que perderam essa semana, eu ia dar uns pontos semanais, acumularían para ver na semana 10 quem reunia mais. A perda de peso tornou-se um jogo, cujo tabuleiro era uma folha de cálculo. A imagem que você vê abaixo é uma simplificação do tabuleiro de jogo com 5 pessoas. É uma folha de cálculo do Google, de forma que compartilhava com eles, para que, em todo momento, pudessem ver a sua evolução.

  • 4 Dieta de mamão para emagrecer
  • Água mineral, 2 litros
  • 2 Indumentária tradicional
  • Não caia na armadilha de produtos ‘light’

De todas as formas, eu cada domingo mandava uma imagem resumo para anunciar que havia perdido mais peso essa semana, quem ganhava os desafios e quem ia para a cabeça em pontos. A caixa amarela em cima de cada nome indica o peso ideal da pessoa em questão. A caixa de seleção abaixo do nome indica o peso na semana zero ou semana de início. E as duas caixas de seleção à direita da amarela clara indicam o peso perdido acumulado, tanto em quilos ou em percentagem, de forma que a cada semana, ao colocar os dados são autosuman e vemos o global de perda de peso.

Como você pode ver, no início pedia a 1% e depois ia descendo, porque com o tempo se vai tornando mais difícil perder, então não seriam desafios impossíveis. Também lhes impôs o peso absoluto a perder essa semana, ou seja, se uma pessoa de 60 quilos devia perder 1%, essa semana tive que perder 0,6 kg.

À direita do percentual de peso que tenián que perder e, com cores, eu metia o peso desse sábado e a folha calculou os quilos perdidos ou ganhos e a percentagem de peso perdido ou ganho. Verde se conseguiam perder o estabelecido, a vermelho se não o conseguiam, mas perdiam algo de peso ou o mantinham e preto se ganhavam peso.

Abaixo todas as semanas se podia ver o acumulado de pontos, que se ia atualizando semanalmente. 20 pontos (caixa verde): aqueles que conseguiram perder o percentual que pedia para essa semana. 10 pontos (caixa em vermelho): quem não conseguisse perder o percentual encomenda, mas ainda assim perder peso.Em função do peso perdido e os desafios conquistados, se obtinham pontos.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: