Uma Mesma Cor, Com Diferentes Significados

Uma Mesma Cor, Com Diferentes Significados

Os publicitários têm em conta na hora de realizar suas campanhas de marketing. Conhecer as emoções que despertam as cores pode ajudar a vender melhor um produto ao relacioná-los com determinados conceitos. Mas nem todos percebemos as cores da mesma forma. Os pesquisadores expuseram as três provas diferentes. No primeiro, que se apresentavam 70 cores individuais, no segundo combinações de duas cores e no terceiro conjuntos de duas cores em fotografias de moda feminina de primavera, verão, outono e inverno.

Os resultados deste artigo, que aparecem na revista ‘Cor Research and Application’, correspondem aos do segundo experimento. Os do primeiro, já foram publicados e os do terceiro, o farão em breve. Segundo esta pesquisa, as mulheres têm a preferir as cores mais claras e com menor croma (ou seja, com menor pureza ou saturação).

O estudo também encontrou diferenças de acordo com a profissão ou os estudos dos participantes. A pesquisa também sugere que à medida que envelhecemos muda a maneira em que percebemos as cores. As pessoas mais velhas costumam preferir a combinação de cores claras, embora com croma alto. Rafael Hortas Roa explica que, com os anos, vai-se perdendo intensidade na percepção da cor, já que “é lógico que preferem cores mais intensas em croma e clareza”, observa.

Os participantes espanhóis e argentinos concordaram preferir, maioritariamente, as combinações de cores frias, enquanto que os de outros países preferiam cores que não são nem quentes nem frios (são considerados frios aqueles com tons de azul). O autor principal do artigo é Li-Chen Ou, que hoje é pesquisador da National Taiwan University of Science and Technology, em Taipei (quando levou a cabo este estudo trabalhava na universidade britânica de Leeds). Desde há vários anos pesquisa as emoções da cor, e tem publicado diversos trabalhos sobre este tema que coletar em seu web site, ‘World of colour emotion’.

Como assinala Organizacional, a relação entre cor e emoção tem sido objeto de estudo desde há muito tempo, de cientistas e artistas. Os resultados de seus testes mostram, por exemplo, como a maioria da população, independentemente da nacionalidade, concorda em considerar o vermelho, uma cor quente (90% dos entrevistados).

  1. Fazer páginas de internet
  2. 3 Efeito sobre a inovação
  3. 2, Alterando as formas tradicionais de fazer negócios
  4. 6 Agenda comum e prorrogação de zona de distensão, de 6 de maio
  5. 4 Exemplos de uso da mineração de dados 4.1 Negócios 4.1.1 Análise da cesta de compras

O amarelo, porém, é considerado quente por 60%, enquanto que 40% o qualifica como frio. A percepção das cores depende também da cultura. Por exemplo, nos países ocidentais, o vermelho está relacionado com a paixão e a adverte do perigo (em sinais de trânsito). Na China, simboliza a boa sorte.

Os autores sublinham a importância de saber dessas associações na hora de elaborar campanhas comerciais. As cores ajudam a relacionar os produtos com determinadas marcas e a recriar uma atmosfera que influa no comportamento do consumidor. Além disso, saber que emoções suscita uma determinada cor pode ajudar a relacioná-los com conceitos como ‘limpeza’ ou ‘eficiência’, uma informação útil para a elaboração de anúncios publicitários mais eficazes.

Aqui, a menos que o objetivo seja participar de uma competição de hip-hop, a improvisação não servirá de nada. Para isso se estrutura o projeto desde o início e se alinham todos os caminhos… ou, melhor dito, se unem para formar um caminho em comum e que ambos se encontrem em trânsito por lá. Olha o lado bom, o seu parceiro é de grande ajuda. O que não te acontecerá a ti, a ele/ela e vice-versa. Mais vias, mais ideias, mais chances de sucesso.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: