Igrejas Pede O Voto Por ele E Errejón Para O “tandem” Que Fazem Os Dois

Igrejas Pede O Voto Por ele E Errejón Para O “tandem” Que Fazem Os Dois

Podemos arranca a campanha interna das primárias, uma vez que os mais de 455.000 inscritos começam a partir de hoje para dirimir já com seus votos, a disputa entre Paulo Igrejas e Íñigo Errejón. A encenação e os primeiros mensagens têm indicado as chaves sobre as quais vão balançar as primárias.

Pablo Iglesias foi redoblado a lógica de que Podemos tem um plebiscito. Em contrapartida, Íñigo Errejón quis quebrar esse abordagem de raiz. E, para provar isso, tem se tornado uma foto em que está abraçada com Igrejas como a imagem de sua campanha, para pedir expressamente o voto dos dois, pelo “tandem” Igrejas-Errejón.

  • Análise da concorrência ou setorial
  • 2 – Crível, essencial para este tipo de comunicação
  • Reputação Digital
  • 1 Biografia 1.1 Formação e trajetória
  • Palavras-chave
  • 2 Vida pessoal

O duelo de apresentação em paralelo das candidaturas também se deu até em números de mobilização de simpatizantes. Igrejas concluída praticamente todas as cadeiras da Fundação Diário Madrid, cerca de 200 pessoas. Enquanto que Errejón encheu com 800 pessoas, o estádio do Cinema Palafox, a cerca de 300 metros de distância, do que meia centena de pessoas nem sequer foi capaz de acessar.

A imagem deste início de campanha tem estado precisamente este segundo ato. Errejón colocou sua foto abraçada com Igrejas bem atrás dele, presidindo o cenário e a encenação dos 62 membros da sua lista. No entanto, os primeiros tiros os pablistas chegaram nada mais terminar o ato. João Carlos Bolsa no Twitter.

Um pouco antes, durante o ato de Igrejas, a maioria dos e-mails têm apontado nessa direção, insistindo na importância de que o secretário-geral Podemos estar rodeado dos seus e blindado contra os errejonistas. Irene Montero. Rotunda, alertou, “quem quer ficar com Paulo, que se venha aqui”, “toque escolher qual projeto, que equipe e liderança que nós queremos”, “eu vos convido a que fazes jogo e elijáis”.

Juanma do Olmo. Igrejas salientou que sua “equipe” você tem que “olhar” para o povo de Portugal “e não para os partidos políticos velhos” ou aos “políticos de sempre”. O verdadeiro, não o da caixa. Outra parte das mensagens são dirigidas às diferentes formas de compreender Podemos. A equipe de Igrejas fez o pedido de ter “gente valente” apontar e dizer “a verdade”, ao mesmo tempo que pediram mais uma rua e não “estratégias sociais de laboratório”.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: