Guia Para A Elaboração De Um Plano De Mídias Sociais

Guia Para A Elaboração De Um Plano De Mídias Sociais

O Plano Estratégico de Mídias Sociais pode ser tão simples ou tão complicado como você deseja fazê-lo. Neste caso, vamos ver uma simples estratégia que pode ser introduzida qualquer pme que queira iniciar ou reforçar a sua presença online. Análise interna: Como é que está organizada a empresa, a tecnologia que conta, formação de pessoal em novas tecnologias e uso, detecção de as pessoas de modelo mais afins, produtos e posicionamento dos mesmos.

A empresa tem um site, blog, perfis em redes sociais? Como são utilizados os canais? Como é a comunicação interna/externa da empresa? Análise externa: Como a economia, o setor ao qual pertence a empresa, estado de mídias sociais. Análise do consumidor: Quem é nosso consumidor? Onde estão os nossos clientes? Como se comportam na rede? Reputação online: Importante realizar uma análise de reputação da marca.

Se temos orçamento para isso, utilizaremos as ferramentas acordes de pesquisa e monitoramento de menções e comentários em mídias, blogs, sites, redes e fóruns. Onde residem as nossas fraquezas para subsanarlas. O que pode ameaçar a nossa marca. Vamos analisar nossos pontos fortes, o que nos diferencia dos outros para colocá-lo em valor. Quais são as oportunidades que temos de aproveitar. Fixaremos três ou quatro objetivos para focalizar o trabalho e não dispersarnos. Lançar um novo produto.

Gerar tráfego para o estabelecimento. Para cada objetivo que tenhamos fixado, definimos uma estratégia diferenciada utilizando as redes e canais adequados para o nosso público-alvo. Seleção de canais e redes. Concepção de uma estratégia de SEO. Linguagem e comunicação que devem ser utilizados. Estabelecimento de KPIs (métricas) que vamos utilizar para medir as ações que realizaremos. Escolha de ferramentas de análise de dados.

Determinação do equipamento técnico e humano que vamos precisar. Design de banners e textos, escolha de palavras-chave (keywords), planejamento em buscadores, mídias e blogs para a campanha de publicidade, que sempre tem que ir-como já comentado – coordenada com a nossa campanha offline. Planejamento e definição de ações (timing). Criação de site e blog (se não tivéssemos). Projeto de ações com blogueiros, influencers, consumidores e prescritores de nossa marca. Pesquisa e criação de mensagens e informações para compartilhar com os diferentes canais. Desenvolvimento de aplicações web ou para redes se houver na estratégia.

Mínimo de cobertura legal com base na confidencialidade do projeto com as pessoas envolvidas no mesmo, através de um pacto de confidencialidade. Ativação de contas, pesquisa e seleção de contatos, início de uma comunicação. Publicações no blog. Compra de campanhas online. Ativação de aplicativos. Escuta, informação e apoio ao cliente.

Quais são os desafios fundamentais desta edição? No nosso caso, não sair para nada o formato tradicional em papel, mas estamos explorando novas maneiras de promover. Redes sociais, booktrailers em vídeo, faixas com informação extra, concursos, etc., Por outro lado, estamos criando novos inventos que não são livros. Para junho, estamos a preparar o CADERNO Pretinho Books, o primeiro caderno de actividades para adultos.

  • 1931 XXXXXX YYYYYY
  • 1 Operadores d
  • Samantha Campos (discussão) 03:00 26 fev 2018 (UTC)
  • Descrição do serviço >> Que benefícios traz

Como férias Santillana para maiores, e para qualquer época do ano. Vai ser a bomba. Quais são as fórmulas estão explorando? É necessária a auto-crítica? Claro, sempre é necessária. No nosso caso, vai-se focar o bem ou o mal que já sabiam explicar os nossos livros, as pessoas, vendo as reações in situ. Em outros casos, e em outras casas, acho que seria útil que se reflexionara sobre a superprodução de títulos, a monotonia das estratégias promocionais, e a falta de paciência e tempo para a digestão de tanto material. Teria que fazer menos, cuidar mais da seleção, e dar mais tempo e espaço para cada livro. Parar um pouco a máquina.

No fundo, trata-se de literatura, de informações, de produtos de pastelaria industrial. Quais são os desafios fundamentais desta edição? Primeiro, analisar por que o setor editorial de um ano a esta parte foi verificado como as vendas ficaram abaixo de forma clara, os leitores deixaram de entrar nas livrarias.

Se está produzindo uma crise de crédito que ameaça sufocar o setor livreiro, e, por outro lado, uma maior renúncia do leitor, com menos dinheiro no bolso, os pontos de venda. As pessoas que antes comprava por impulso deixou de comprar, já nem sequer entra em uma livraria para navegar. Evidentemente, se não uma reinvenção, o setor precisa de uma adaptação.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: