Franquishop Dedica A Sua Sétima Edição Em Sevilha A Mulher Empreendedora

Franquishop Dedica A Sua Sétima Edição Em Sevilha A Mulher Empreendedora

Cristina Perez de são bento. Eduardo Flores acrescentou que “mais de 50 por cento dos projetos de negócios registrados no Balcão Único Empresarial da Câmara de Comércio no ano passado pertenciam a mulheres”. Com este sistema, “o empreendedor pode levar para casa toda a informação que precisa para montar o seu próprio negócio depois de comparar conceitos participantes da feira”.

o Nintendo NX é a meses, a vista de ser apresentado oficialmente; O único que salva o console é o número de jogos exclusivos que você tem, alguns deles bem considerados como vendeconsolas. O console da Microsoft, apesar de ser superior em poder, também não está isenta de algumas cantadas a nível gráfico.

Desde o seu lançamento, poucos são os jogos que conseguem chegar a resolução de 1080p. Sim, a mesma que nos prometeram na última geração também não está nesta ou, pelo menos, da forma que se espera. A última plataforma é a mais poderosa de todas, líder da geração atual e também um “quero e não posso.”

o PlayStation 4 é a que mais de perto, ficou de oferecer o paraíso visual, mas devemos ressaltar que alguns jogos ficam muito longe do prometido. Os poucos exclusivos que está dando PlayStation 4 e alguns third parties têm conseguido alcançar os 1080p de resolução e os 30 frames. A CPU AMD Jaguar (idêntico ao do Xbox) e uma GPU 33% mais potente serviram para maquiar as vergonhas da oitava geração de consoles. Não obstante, a plataforma da Sony está muito longe de alcançar o padrão que exigem dos usuários. Todos os estúdios apostam sempre na fórmula 1080/30 para os seus produtos e isso não agrada a todo mundo.

Os 1080/60 se antojan impossíveis hoje. Evidentemente, o tema gráfico não é o principal problema das plataformas atuais. Todos os consoles são excelentes para a sua finalidade principal, que não é outro senão fazer-nos desfrutar, durante anos, de tudo que ofereçam a nível de software. O problema está na forma como nos tentam vender algo que não é.

  • Verde – check-In/Check
  • 2 Ambiente de risco
  • Mais curtidos
  • 8 – Aplicações para dispositivos móveis
  • 093 Posições 1.106 Eu gosto
  • Fotógrafo de eventos. Você pode trabalhar como fotógrafo indo a cobrir todo o tipo de eventos
  • 1 Reservas de casas

Vídeos manipulados, jogos rodando no PC que os fazem passar por versão de consoles, stands de feiras, com PC’s camuflados… No final, a verdade sempre acaba vindo para a luz e as prejudicadas são as empresas. Por que enganar o usuário com algo que não existe? Por que não tentar vender algo como o que é e não pelo o que não é? Não é mais fácil ser sinceros? No fim das contas, o jogador deve saber que, com 400 milhões de euros, não pode montar algo de última tecnologia e que a sua capacidade é limitada. Prometer antes de seu lançamento, que um console faz isso ou aquilo é furar um tiro no pé.

o Nintendo está sofrendo com o Wii Ulos males de vender um produto sem público-alvo. Os caras da Microsoft estão sofrendo os males de decisões mal tomadas e de optar por um conceito que não casa com o console. A Sony não está sofrendo de mal algum em seu console, graças aos cerca de 36 milhões de unidades, mas isso não significa que deva sair impune. Os dois primeiros anos foram quase vazios e não vai ser até o já começado 2016 quando chegarem os pesos pesados. Falta de previsão, manipulação, vender o que não é ou não ter um rumo fixo são conceitos fatais que as empresas devem evitar a todo o custo com estes produtos.

Os usuários investem muito para que andem mentindo. As falsas promessas, além de gerar desconfiança, vêm carregadas de decepção. Os jogadores, armados de falsas expectativas -bem geradas por eles mesmos ou por outros fatores-, vêem como suas esperanças de ver uma geração à altura das exigências que se diluem-se pouco a pouco.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: