E Se Eu Abrir Uma Franquia?

E Se Eu Abrir Uma Franquia?

Há várias maneiras de empreender, mas só existe uma em que outros já pensaram por você como vender: a franquia. Na Espanha, há 1.200 correntes: total 65.810 locais operacionais sob este formato, de acordo com a Associação Espanhola de Franquiciadores (AEF). Se, em 2008, havia 875 redes franquiciadoras que, em 2015, totalizando 1.232, um 40,8% a mais.

a Partir de 2006, aumentaram em 60% a sua presença em Portugal. “Esse crescimento tem impedido que o impacto da crise fora mais. Muita gente que ficou sem trabalho optou-se por esta fórmula de negócio para se reinventar”, explicam fontes do setor. MERCADO analisa dois dos mais presentes em nosso país e também os mais rentáveis: o da alimentação e o da restauração.

No primeiro caso, as cadeias de supermercados são os que mais faturam, tanto em seus resultados globais (10.042 milhões de euros), como em suas redes de franquias, que venderam 4.002 milhões no ano passado. É a maior detentora global do franchise do setor e tem mais de 2.000 estabelecimentos deste formato em Portugal. “O franqueado é a chave para o nosso crescimento e para agregar valor à marca, por isso, os nossos planos continuam a passar por ter mais parceiros que gerem lojas DIA”, explica a companhia. O investimento depende do modelo de franquia.

Há um em que a soma do que tem que ultrapassar o empreendedor é zero, pois o investimento corre de mão-de-DIA. A companhia deixa o ponto de venda instalado e pronto para a sua gestão. Nos modelos em que o investimento corre por conta do interessado, a soma é muito variável”, asseguram o grupo. Ao colocar em funcionamento um local, há que ter em conta, por exemplo, o custo que supõe o suprimento de produtos.

Por isso, a cadeia cobra uma “quantia simbólica” de 300 euros.

No caso de um DIA se paga em 60 meses sem custo financeiro. Os pedidos subsequentes são pagas à vista. A estes custos são adicionados os direitos de uso da marca ou royalties. Por isso, a cadeia cobra uma “quantia simbólica” de 300 euros. O empreendedor também precisa de um aval bancário, que, de acordo com o modelo de loja, oscila entre 4.500 e 25.000 euros.

  • 4 Sebald de Weert
  • 1 Tomada de posse e povoamento
  • Santa Fé de Bogotá: Panamericana editora, 1996. 299p
  • A maior rentabilidade, suporta um aumento de preços do fornecedor
  • 7 A marcha para Cajamarca
  • 3 ► Modelo de atacadista ou distribuidor
  • Em 2011, “As 100 melhores canções dos 00h da VH1” posicionou Jaded na posição 86

Uma vez posta em marcha da loja, o investimento retorna “em uma média de seis anos, mas depende da contribuição inicial realizada”. O Carrefour conta com 173 hipermercados e 606 supermercados, dos quais 476 são franquias. O custo para abrir uma de suas lojas situa-se em torno dos 1.100 euros por metros quadrado, conforme explicam o grupo.

os candidatos se-lhes a forma durante três semanas na loja e se lhes dão módulos de gestão comercial, finanças, sistemas e operacional na loja. A empresa acompanha e presta assessoria ao franqueado desde que tomada a decisão de abrir a loja”, explica. O investimento é geralmente recuperar em um prazo entre três e quatro anos de idade.

Depois de enfrentar um período difícil, em que vendeu parte de suas lojas, o grupo registrou no seu último exercício 6.000 milhões. Nesta nova etapa das franquias “desempenham um papel fundamental na estratégia de expansão”. No primeiro semestre de 2016, a Lusa abriu 44 supermercados franqueados e prevê superar as 100 aberturas este ano.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: