Cranston. Inseto. An Outline Of Entomology

Cranston. Inseto. An Outline Of Entomology

Os insetos (Insecta) são uma classe de animal invertebrado do filo dos artrópodes, caracterizados por apresentar um par de antenas, três pares de patas e dois pares de asas (que, não obstante, podem ser reduzidos ou ausentes). A ciência que estuda os insetos é chamado de entomologia. Os insetos podem ser encontrados em quase todos os ambientes do planeta, mas só um pequeno número de espécies se adaptaram à vida nos oceanos.

] (moscas, mosquitos), 9800 de dictiópteros (baratas, cupins, grilos), 5200 ftirápteros (piolhos), 1900 sifonápteros (pulgas), 82 000 de hemípteros (percevejos, pulgões, cigarras), 350 000 de coleópteros (besouros, joaninhas), e 153 000 espécies de himenópteros (abelhas, vespas, formigas). Os insetos não só apresentam uma grande diversidade, mas também são extremamente abundantes.

Alguns formigueiros contêm mais de 20 milhões de pessoas e estima-se que há 1015 formigas na Terra. Na floresta amazônica, estima-se que há cerca de 60 000 espécies e 3,2 x 108 indivíduos por hectare. Estima-Se que haja 200 milhões de insetos para cada ser humano. O corpo dos insetos é composto por três regiões principais (chamados de grandes tagmata): cabeça, tórax e abdômen, uniformemente revestida por uma cutícula.

  • 3 dicas que seguiremos aprofundando
  • 4 Euro 2012
  • Ter em conta a correspondência de citação
  • 2010: Rock’n’Roll Circus
  • Gerar tráfego do Facebook, a nossa página web
  • Informação e comunicação multimédia

O exoesqueleto ou ectoesqueleto é o esqueleto externo que reveste todo o corpo dos insetos e outros artrópodes, e que também é conhecido como taciturna. A cabeça é a região anterior do corpo, em forma de cápsula, que contém os olhos, as antenas e as peças bucais. A forma da cabeça varia consideravelmente entre os insetos para dar espaço para os órgãos sensoriais e as peças bucais. A parte externa endurecida ou esclerosada da cabeça é chamado de crânio. A cabeça dos insetos está subdividida por suturas em um número de fazerem mais ou menos diferenciados, que variam entre os diferentes grupos.

Internamente, o exoesqueleto da cápsula cerebral dos insetos se invagina para formar os ramos do tentorio que servem como sítios de inserção muscular. A maioria dos insetos tem um par de olhos compostos relativamente grandes, localizados dorso-lateralmente na cabeça. A superfície de cada olho composto é dividido em um certo número de áreas circulares ou hexagonais chamadas facetas ou omatidios; cada faceta é uma lente de uma única unidade visual.

além dos olhos compostos, a maioria dos insetos possui três olhos simples ou ocelos localizados na parte superior da cabeça, entre os olhos compostos. São apêndices móveis multiarticulados. Apresentam-Se em número par dos insetos adultos e a maioria das larvas. São formadas por um número variável de segmentos denominados antenómeros ou antenitas. O papel das antenas é eminentemente sensorial, desempenhando várias funções.

São peças móveis que se articulam na parte inferior da cabeça, destinadas à alimentação; trituradas, contrariam ou mastigam os alimentos sólidos ou duros e absorvem líquidos ou semi-líquidos. Labro (lábio superior ou lábio simples). É um esclerito ímpar de forma variável, com movimentos para cima e para baixo; é o teto da boca e articula-se com o escaravelho. Em sua parte ventral ou interna está localizada a epifaringe, que não é uma peça livre, está ligeiramente esclerosada; sua função é gustativa.

Mandíbulas. São duas peças simples, dispostas lateralmente sob o lábio superior, articuladas, resistentes e esclerosadas. Sua função é mastigar, triturar ou lacerar os alimentos. Em alguns adultos podem perder totalmente ausentes ou vestigiales na totalidade dos insetos e efemerópteros. Maxilar. Em número de dois, estão localizados atrás das maxilas. Articuladas na parte lateral inferior à cabeça, são peças auxiliares durante a alimentação.

A hipofaringe é uma estrutura de saída, localizada sobre o queixo com função gustativa. Assemelha-Se à língua. As maxilar possuem um palpo maxilar cada uma. Bordo (labium). Estrutura ímpar resultado da fusão de dois apêndices situada sob as maxilar e que representa o assoalho da boca; apresenta dois pequenos palpos labiais.

O aparelho bucal dos insetos se foi modificando-se em vários grupos para adaptar-se a ingestão de diferentes tipos de alimentos e por diferentes métodos. Aqui se encontram os tipos mais diferenciados e interessantes, escolhidos para ilustrar as diferentes formas adotadas por partes homólogas, e os diferentes usos a que podem ser aplicadas. Existem muitos outros tipos, grande número dos quais representam estados intermediários entre alguns dos aqui citados.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: