Como Converter Um Negócio Familiar Em Uma Bem Sucedida Loja Online

Como Converter Um Negócio Familiar Em Uma Bem Sucedida Loja Online

�Pode um negócio de família, e de um setor de corte muito tradicional abrir caminho com sucesso na Internet? A resposta é que sim, claro, com um produto bom, com muita perseverança e fazendo bem as coisas. Luis Serra, responsável pelo negócio, nos conta. A concorrência, sobretudo no seu setor, era muito limitada. Hoje o panorama mudou e em Portugal já existem mais de 600 sites dedicados à distribuição de laranjas, mas naquele momento, foram os primeiros a lançar-se.

Eis aqui um dos primeiros fatores de seu sucesso: chegar antes do tempo, somar o valor da experiência e ganhar posições no mercado. Quando começaram, com muito esforço, fecharam o primeiro ano com uma média de 1.000 visitas por mês. “O primeiro ano foi toda uma aventura, mas estávamos decididos a conseguir vender online nossas laranjas e lhe será de muita utilidade para qualquer canto de Portugal.

Apesar de ter passado dez anos, hoje o desafio continua e a aprendizagem continua a ser constante, porque estamos em um mundo que não pára de mudar”, explica Luis Serra. Esta mentalidade, aliada a sua grande conhecimento do produto, já que a família Serra tem uma tradição agrícola de várias gerações, é a base que certamente explica que o negócio venha a registar um crescimento de cerca de 30% a cada temporada. Apesar da crise.

  1. 11 Uma proteção extra para o telefone
  2. 5 Negócios rentáveis para 2017 – o Que montar
  3. 13 Prorrogação da zona de distensão do dia 7 de outubro
  4. Valida o seu modelo de negócios
  5. 5 Acordos da Organização Mundial do Comércio
  6. o Que me sai bem

E, graças em grande parte aos pedidos recorrentes e as recomendações de seus próprios clientes. Uma das grandes resistências que ainda existe na hora de comprar online é a desconfiança e o tema do pagamento é especialmente sensível. “Igualmente, sempre temos nos preocupado muito por cuidar ao máximo que a nossa página web fora muito acessível e que o processo de compra fora muito simples e muito intuitivo.

Isto é algo que nos têm valorizado muito os nossos clientes, a facilidade com que se pode comprar”, diz Serra. A tradição e o valor de tudo o artesão não é incompatível com a inovação. Além disso, foram os primeiros em seu setor de lançar no mercado um configurador de caixas, de forma que o cliente pode escolher exatamente a quantidade que deseja de cada produto. Outra das estratégias que tem cuidado especialmente LaMejorNaranja é o marketing de conteúdo através de seu próprio blog e com a elaboração regular de artigos de qualidade relacionados com a sua actividade e os seus produtos.

“somos apaixonados pelo o que fazemos e conhecemos muito bem o nosso ambiente, o campo, e os nossos produtos, e é isso que tentamos transmitir, oferecendo informações que possam ser de utilidade e que, ao mesmo tempo, possa também servir para ‘educar'”. “No nosso blog falamos de temas muito variados, desde os vários benefícios saudáveis de frutas cítricas, como a tangerina pode ser a base de uma máscara caseira para cuidar da pele, ou como fazer uma torta de limão. O blog nos permite ganhar visibilidade, mas também é a nossa forma de comunicar, como é o nosso mundo e tudo o que ele oferece”, destaca Luis Serra.

Estas novas mídias são mais transparentes: maior delicadeza, leveza, resistência, e substituem gradativamente as de rayon. Durante a guerra mundial e a escassez resultante, o nylon é usado para fazer o pára-quedas e pneus, e as meias de nylon desaparecem. Então as mulheres se vestem as pernas e pintados a costura para simular as meias.

A seda com que se fazia tradicionalmente, as meias também cai pela guerra. Na década de 1950, se inventaram as meias sem costura, graças ao avanço técnico que trouxeram os teares circulares. As meias com costura desaparecerão gradualmente. Pantimedia transparente é quando você tem 20 ou menos deniers. Pantimedia semiopaca, quando você tem de 30 a 40 deniers.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: