A única Mulher Que Lhe tocou O Cabelo Jon jon kortajarena

A única Mulher Que Lhe tocou O Cabelo Jon jon kortajarena

Jon jon kortajarena ninguém lhe tocar um fio de cabelo. O mais característico é o cão que olha com tanto brio nas passarelas de meio mundo só têm um artífice. E essa não é outra que a sua mãe. O bilbaíno de 31 anos, maçãs do rosto afiados e olhar intenso, não se joga com sua admirada cabelo e só permite que a sua “dona”, Nuria Redruello, meter a tesoura. “Os olhos e a franja pode ser que sejam o mais característico de minha imagem, mas isso é mérito da minha mãe.

Ela é cabeleireira e a única que me corta o cabelo. Dependendo do trabalho que for fazer sublinhamos mais as patilhas, enfatizarmos a barba ou procuramos um determinado look”, declarou durante uma entrevista recente, o manequim português. Nuria leva quase 35 anos colocando bonitos para os biscainhos golpe de escova e condicionador.

Durante os últimos 16 tem gerido o seu próprio negócio, Redruello Cabeleireiros, na cidade velha de Bilbao. No passado mês de maio desenchufó o último secador para iniciar uma nova caminhada no El Corte Inglés, na cidade basca, com um novo estabelecimento chamado Só para homens. O próprio jon kortajarena anunciou com grande orgulho no Instagram.

  • Nenhum plano de negócios sobrevive ao primeiro contato com os clientes
  • Conhecer mais a fundo a seus prospectos
  • 7 estratégias para vender mais
  • Movimento NÃO MAIS

“Mãe is on fire”. Muito em breve os bascos vamos ser os homens com o melhor corte de cabelo do mundo”. Redruello toma o lugar de Kunen, a antiga barbearia de lojas de departamento biscainhos que moldou o encerramento no verão de 2015, após a morte do proprietário da empresa. “Agora mesmo estou muito ocupada com as obras do novo salão de beleza e não posso te atender.

Queremos abrir a semana que vem, mas também não posso te contar muito mais”, responde Paulo, com parcimônia, a este jornal por telefone. A cabeleireira nunca se sentiu confortável sob os holofotes e prefere que seja o seu filho, o que acapare todo o protagonismo na mídia. Em sua nova faceta, a mãe de jon kortajarena se deixará levar por cortes mais modernos e ousados, guiando-se pelas tendências de cada momento. Não há dúvida de que mais de um procurará uma reprodução do penteado da criança.

De fato, em alguma ocasião, Paulo reconheceu que recebeu a clientes de todo Brasil, que viajaram centenas de quilômetros para poder se parecer, ao menos no que ao penteado, refere-se, a nosso modelo mais internacional. A mãe de Jon jon kortajarena é uma trabalhadora insaciável, fiel à sua clientela de sempre, que se recusa a render-se aos grandes astros do mundo da moda, com os que se elbows seu filho.

Jon cresceu praticamente entre e rolos secadores de cabelo. De pequeno se deixava cair por um cabeleireiro de sua mãe, e pedia para massagear a cabeça clientes para que deram gorjeta. Naquele momento nada fazia pressagiar que acabaria labrándose um sucesso e futuro profissional, graças a sua imagem.

Mas não bastou isso.

Em 2003, um amigo o convidou a participar de um show em Barcelona. Lá conheceu o que hoje continua a ser o seu representante, que o convenceu a provar o mundo da moda. Jon bon jovi teve sua primeira experiência profissional como modelo em Cibeles e forjou uma das corridas internacionais mais sólidas da moda masculina. Mas não bastou isso. Agora, passada dos trinta anos de idade e com sede de novos desafios, busca sua oca no sempre complicado mundo do cinema, onde não é suficiente ter uma cara bonita e um belo e brilhante peruca atusado por minha mãe.

Apesar de Celaya ter sido tomada pelos rebeldes, o exército realista, em nome do Vice-rei, recuperou a cidade e colocou uma guarnição para reprimir possíveis movimentos de independência. Em 1863, o México sofreu A Segunda Intervenção Francesa, período durante o qual a ocupação das tropas francesas invadiram o País, começando por San Miguel de Allende avançar em Celaya. Em dezembro de 1863 tropas francesas ocupam Celaya, com o beneplácito do setor conservador da cidade. Em 23 de agosto de 1864, o Segundo Imperador do México, é recebido nesta cidade por autoridades civis na ponte do Rio Laje, juntamente com sua guarda imperial.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: