10 Livros Essenciais Sobre Marketing Digital

10 Livros Essenciais Sobre Marketing Digital

Na lista a seguir nós trazemos-lhe 10 livros de marketing digital incríveis e recomendamos que você leia. Se você é um verdadeiro entusiasta do mundo digital e gosta de ler você não os perca. Se quiser saber mais sobre esses livros em nosso blog você encontrará aquilo que procura. Você gostou da lista? Você acha interessante? Não é permitido derramar comentários contrários às leis portuguesas ou injuriantes. Reservamo-Nos o direito de eliminar os comentários que consideremos fora do assunto. O criador da lista também será capaz de apagar os comentários que lhe pareçam estranhas.

O bom dessa situação, é que não dispomos de dados para medir e melhorar, e que nem tudo está perdido. Para isso, vamos ver tudo o que está relacionado à presença que tem o seu site na internet. Fontes de tráfego: orgânico-referido. Posicionamento de palavras-chave nos motores de busca. Presença nas redes sociais.

Mapas de calor e o content analysis com a ferramenta de sumo. Meios que ele foi publicado: positivo-negativo. Menção em RRSS com recomendações. Reviews em sites especiais. O meu objectivo com este post é te as coisas o mais fáceis possíveis. Para isso, deixo também uma lista com as métricas a ter em conta em redes sociais e blog (isso é útil tanto para analisar a situação atual do seu projeto on-line, como de sua competência). Métricas de comunidade: número de seguidores nas redes sociais. Conteúdos: tipo de compartilhamento, e o tipo de conteúdo costuma funcionar melhor. Métricas de engajamento: número de curtir, compartilhamentos e comentários.

  • 2018 BTS World Tour: Love Yourself (2018)
  • Nico Casal já é do Sevilla
  • 3 Século XIX: a formação da identidade nacional
  • Dá aulas particulares
  • 40 milhões do Manchester City
  • Candidatos, etc
  • para Informar a população das prestações e características dos serviços educativos
  • 2 Desenvolvimentos ulteriores do conceito

Frequência: número de vezes que você publicar nos diferentes canais, horários de publicação e outras ações por parte dos usuários (compartilhar). Métricas de conversão: quantidade de cliques em links, vendas por promoção de conteúdos. Atendimento ao cliente: como estas gerir o atendimento ao cliente; tempo médio de resposta, sentimento positivo ou negativo que tenham os fãs da marca. Uma das melhores ferramentas de gestão e análise de redes sociais, na minha opinião, é metricool. “Você também pode gostar: Mega Tutorial de Metricool ¡

Aprenda a gerir e analisar as suas estratégias sociais! Como fazer uma análise SWOT? Ter sempre claro quais são seus pontos fracos e pontos fortes é fundamental para que seu plano de Marketing Digital seja realista e adaptado para o que você pode dar. Como definir seu cliente-alvo ou buyer pessoa? Este é um dos pontos (para mim) mais importantes da criação de um plano de Marketing, e é um ponto que a maioria das pessoas costuma tomar de ânimo leve. O normal é que tenhamos vários perfis de clientes ideais ou “buyers pessoa”. Uma das minhas séries favoritas é Criminal Minds.

a primeira Coisa que fazem em todos os casos é analisar o local do crime, ou seja, começar a investigar com os dados que têm para dar com o perfil do criminoso. Sua pesquisa se guia por esse perfil para alcançar o seu objetivo: capturar o culpado do crime. Assim como fazem em “Mentes criminosas”, você já analisou o local do crime (situação atual do mercado, concorrência, etc.) e, em seguida, você deve criar o perfil de seu cliente ideal.

trata-Se, sem mais, de criar um retrato fictício que nos ajude a definir o nosso tipo de clientes para conhecê-los melhor e projetar ações que reportar resultados em base a ele. Comportamento: como interage com a sua marca e por quais canais o faz. Interesses: o que gosta e o que faz com sua vida. Dados demográficos: idade, sexo e trabalho. Ambições: a que aspira e o que quer realmente. Conteúdo: formato que preferir.

Pesquisa: com quais palavras-chave você procura e se associa. Compras: o que costuma comprar e onde o faz. Necessidades: o que precisa de seu público-alvo de sua marca. Obstáculos: o que os impede de realizar as ações que você quiser, como por exemplo, uma compra específica. Depois de ter analisado tudo isso, eu recomendo que você acha de um modelo personalizado com nome, sobrenome, história, objetivos e desafios; com um ambiente profissional e a situação atual de seu buyer pessoa.

¡põe-lhe o nome e a cara! Porque ver-lhe a cara, você vai ajudar ainda mais a se identificar com o seu cliente e obter uma total personalização. Agora bem: ao criar sua buyer pessoa não deve se esquecer do buyer journey. ► O que é o buyer journey? O buyer journey é a criação de um modelo, que te vai permitir monitorizar o comportamento, as necessidades e os problemas do público-alvo durante o processo de compra.

Ter muito bem definido dentro de seu plano, quem é o seu buyer pessoa e qual é o buyer journey, vai ser de grande utilidade em ações futuras na hora de realizar suas estratégias. Como definir o orçamento de seu plano de Marketing Digital? Antes de começar com os objetivos, temos que analisar o orçamento, já que é fundamental saber com o orçamento que temos para cumprir ou não tais objetivos. Aqui você tem que ser muito realista e sempre puxar para cima, já que sempre vão surgir despesas inesperadas.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: