Quinta Do Apito, Um Palácio De Versalhes Em Astúrias

Quinta Do Apito, Um Palácio De Versalhes Em Astúrias

Victor de la Serna, a descreveu como “a pérola da costa e uma das últimas grandes obras de uma época que não voltará”. E dois meses, ou pouco mais, é o prazo que temos para conhecer essa jóia e os seus belos jardins, situados no recôndito povo O Pito, no caminho de Cudillero. E se fosse questionado vocês o

Versalhes no Apito? A história da casa e da família, é daquelas que provocam curiosidade. Dois irmãos de uma família de 8, herdam uma quantidade de dinheiro de seus pais, proprietários de um negócio de mantimento nas Astúrias. A casa e toda a sua decoração se mantém hoje, tal como estava, apenas se pode adivinhar um disparo de arma de Guerra Civil em um espelho. 50 os filhos de Fortunato, mas o mais notável do conjunto são seus jardins.

Em 1888, foi fundada a Sociedade Geográfica de Lima, a Academia Nacional de Medicina. No início do século XX, a investigação no Peru começou a se recuperar graças ao crescimento da economia, impulsionada pela República Aristocrática. Em fins dos anos 1950, o Peru contava com um grupo de pesquisadores que reuniam um grande desenvolvimento da ciência.

  • no Brasil, M. 1950. Manual (ed. 8) i-lxiv, 1-1632. American Book Co., New York
  • 1 Vitrine artística
  • 4 escola andaluza
  • Como jogar com o projeto Open Plan

Algumas disciplinas foram renovadas com a chegada de estrangeiros ou de peruanos que tinham estudado no exterior. Entre os séculos XIX e XX surgiram várias personalidades representativas das diferentes ramos científicos. No estudo das ciências naturais, destacou-se um sábio italiano, Antonio Raimondi, assim como os peruanos Sebastião Garganta e Fortunato Herrera. No campo das ciências exatas destacou sobresalientemente Federico Villareal, que fez contribuições originais ao desenvolvimento tanto da matemática como da engenharia, por exemplo, descobriu o método para elevar um polinômio qualquer a uma potência qualquer. Outros matemáticos notáveis foram Cristóvão de Losada e Puga e Godofredo Garcia.

No campo da botânica, é de destacar o trabalho do professor alemão Augusto Weberbauer. Na medicina, destacam-se os estudos do doutor Carlos Monge Medrano sobre o mal de altura. Em bacteriologia, é importante o trabalho de Alberto Barton na identificação do agente etiológico da doença de Carrión, que em sua honra leva o seu nome: Bartonella bacilliformis. No campo da física, destacam-se Pedro Paulet, pioneiro da astronáutica; e Santiago Antúnez de Mayolo, que previu a existência do nêutron. O inventor Pedro Ruiz Gallo, é considerado como um dos pioneiros da aviação.

O país conta com uma estação de pesquisa científica estabelecida na Antártida chamada Base Machu Picchu e observatórios astronômicos como Jicamarca e o Morro Solar. Em matéria nuclear, está a usina Nuclear Oscar Miró Quesada da Guerra, mais conhecido como O Huarangal, cujo reator é usado apenas para a pesquisa. No campo da vulcanologia, conta com o Observatório Vulcanológico do Sul (OVS), localizado em vila velha, e cuja função é observar e documentar as manifestações geofísica de vulcões ativos.

Em 1980, lançou ao mar o Navio de Investigação Científica de Humboldt, plataforma científica construída através de um convênio peruano-alemão nos estaleiros de SIMA-Callao. A sua missão era realizar cruzeiros de investigação oceanográfica no domínio marítimo peruano e na Antártida, onde está a Base de Machu Picchu. O Rádio Observatório de Jicamarca, um dos mais importantes do mundo. BAP Carrasco (BOP-171) navio peruano de investigação oceanográfica polar antártica. Maquete que representa o PeruSat-1, o primeiro satélite peruano de observação da terra.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: