“Com Os Recursos Necessários, As Suas Limitações São Menores’

“Com Os Recursos Necessários, As Suas Limitações São Menores’

“Quando dizem posso, não só podem, mas que conseguem fazer aquilo que se propõem. Evoluíram tanto nos últimos anos que, às vezes, oferecem muito mais do que eles a ti, do que tu lhes pode proporcionar a eles”. Como educadora do grupo, Joana conhece melhor do que ninguém qual foi a progressão de todos eles desde que chegaram à moradia até hoje.

“Quando se iniciou este projecto, a situação das pessoas com deficiência não era a de agora. A maioria de nossos usuários só se relacionava com os pais e tinha muito pouca autonomia pessoal. Toni Llabrés é um dos membros que compõem a grande família que formaram os seis ocupantes e as educadoras do piso. Pela manhã, acode prontamente ao Centro Polivalente Carlos Mir, onde trabalha meio período como jardineiro.

Lá aprendeu a ganhar a vida cuidando de plantas e jardins. Como um bom operador do sector, cada vez que se cruza com a prefeita de Maó Toni não perde a ocasião de lembrar a importância de regar as árvores da cidade. Cati Mesquida é uma das companheiras de piso de Toni.

  • Há contas para os fãs do DIY (“Do it yourself”, Faça você mesmo)
  • Potes com biscoitos de natal para presentear seus convidados
  • 4 Parque Dos Cárcamos
  • 2 Feira de Hidalgo
  • 5 Teen’s Choice Awards
  • Uldaricio Prado (1872-1875)
  • Oficina de Comédia musical
  • As plantas naturais precisam de manutenção regular e contínuo

Fã incondicional do Barça, partilha o quarto com sua irmã gêmea Marina, também adora futebol, mas no seu caso, torcedor do Real Madrid. Uma rivalidade -esportiva – que fica patente nada mais entrar no seu quarto, com uma decoração camisa da parte que ocupa Cati e merengue, a de Marina.

“as manhãs trabalho na lavanderia do Hospital Mateu Orfila e todas as tardes, depois de comer no Centro Polivalente Carlos Mir, eu gosto de passear com minha irmã e também vou aulas de catalão. Aqui, no chão, me ensinaram a fazer tudo o que eu sei”, conta Cati, uma normal das atividades lúdicas que organiza a entidade Vidalba. Cati, junto a uma foto do seu ídolo, Leo Messi, durante uma visita ao Camp Nou. Os usuários do primeiro andar do tutelado, juntamente com seus quatro monitoras.

“O conceito de deficiência foi evoluindo e hoje já não é considerada como uma qualidade da pessoa, mas como o resultado da relação e a interação desta com o seu ambiente. Portanto, proporcionando-lhes os recursos e a ajuda de que precisam, suas limitações são mais pequenas e a sua independência e qualidade de vida, muito maior”, diz Irene Perchés, diretora do Centro Polivalente Carlos Mir e coordenadora da habitação. E este é, precisamente, o objetivo do assoalho tutelado: oferecer um atendimento global às pessoas com deficiência intelectual para que possam viver com independência em um ambiente o mais padronizado possível.

“Cada usuário é responsável por ordem de seu quarto e de sua higiene pessoal, e todos estão envolvidos nas tarefas de casa. A fundação se encarrega de zelar pelo seu bem-estar, proporcionar-lhes um teto sob o qual viver, atendê-los quando estão doentes, celebrar com eles o seu aniversário e, em definitiva, acompanhá-los em seu dia-a-dia. “Este apartamento tem muito mérito.

você Pode matar o home para deixar de pagar o aluguel? MaxoidShannon (Aug 7, 2008 6:22:31 PM) HAHA, não. Se você matar o home, um segundo deve ser apresentado para sucedê-lo. 112 (Aug 7, 2008 6:22:32 PM) Há duelos entre bruxas? MaxoidLakshmi (Aug 7, 2008 6:22:32 PM), Existe uma certa rivalidade entre as bruxas boas e as bruxas más. As bruxas más podem invocar o espectro de alguma empregada para “fazer o trabalho sujo”.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: