Castro De São Castelo De

Castro De São Castelo De

encontra-Se sobre uma pequena elevação, a 473 metros de altitude, ao lado dominante do Monte de San Trocado, de 550 m de altitude, em que também foram encontrados restos de um castro de um período inicial da cultura castreja. O monte San Trocado impede o contato visual direto do rio Minho em castro.

Este contato visual sim que mantém com os castros vizinhos de Santa Ádeda, o de Trelle ou o castro de Couto, do Castro (o “Chan da Ferradura”). O castro localiza-se em um ponto de difícil defesa, em uma pequena planície, com acentuados declives, algo menores no norte e suaves pelo oeste e pelo sul. Deste modo, no ano de 1922, López Cuevillas dirigiu a realização de umas primeiras provas em espaços mais interior, que deram como resultado a descoberta de bases de uma construção de planta quadrangular. Também demonstraram que o centro estava delimitado por uma muralha simples.

Estes trabalhos continuaram até o ano de 1925 e concentraram-se na zona sudeste do castro. Nessa zona, deixaram a descoberto construções de diversas tipologias: de planta elíptica, circular, oval, retangulares e quadradas, além da fonte ou cisterna. Essas campanhas, buscou-se obter uma definição do conjunto do sítio.

Desde o ano de 1948 Xaquín Lorenzo, com a colaboração e orientação de Cuevillas, dirigiu duas campanhas em que se trabalhou no centro e onde se descobriram construções circulares e retangulares, juntamente com as portas da muralha interior. No perímetro escavaram no sector poente e exploraram a segunda muralha e o fosso dianteiro, além de reexcavar a fonte-cisterna. No ano de 1953, os participantes do 3º Congresso Nacional de Arqueologia visitam o sítio e reconhecem sua importância e monumentalidade.

apesar desse reconhecimento, não impediu que se acontecerem anos de abandono e depredações do sítio. No ano de 1980, quando estava construindo um campo de futebol ao lado do castro, foi encontrada uma jazida paleolítico. A partir deste momento, realizaram-se trabalhos de manutenção e limpeza do conjunto, dando início a uma fase de lenta recuperação.

Os achados de materiais durante as escavações encontram-se no Museu Arqueológico Provincial de Ourense. ] que leva a rejeitar a possibilidade de uma ocupação, ao mesmo tempo que a de San Castelo. O Castro de São Trocado se lhe coloca em uma cronologia próxima dos séculos VI e V a. C., correspondendo ao período inicial ou de formação da cultura castreja.

  1. 2 Primeiros anos
  2. 7 Clínica Aquática Internacional
  3. Hull, Clifton E
  4. Faça com que seus convidados entram na atmosfera com uma bela fita vermelha em suas cadeiras
  5. Pavilhão Municipal de Desportos Ribeira Seca
  6. 4 Bandeira de Santa Eulália
  7. Fifty-fifty, limonada e chá gelado
  8. 3 Arquitetura da segunda metade do século XX

Seu nome original (Lansbricae) apareceu em uma das três inscrições encontradas. A cidade está situada em um ponto de difícil defesa natural, o que necessitou de fortes e extensos dispositivos de defesa. Trata-Se de um castro de maiores dimensões, a imagem e semelhança dos castros do sul da Galiza e do norte de Portugal, como o Castro de Santa Tegra ou as citanias de Sanfins, Mozinho, Ancora ou Briteiros.

O paralelismo com estes povoados também se estende ao traçado quase ortogonal de sua ordenação urbana, sistema considerado um produto evolutivo produzido pela influência do processo romanizador. O artigo estrutura-se em dois recintos murados de forma elíptica quase concêntricos, com um ligeiro alongamento no eixo nordeste – sudoeste, com dimensões de 294 m do eixo Leste-Oeste e de 420 m do eixo maior. ] e por escadas de diversa tipologia, de um ou dois derrames, embutida no muro. A diversidade de escadas de acesso às muralhas é algo presente em todo o sistema defensivo.

Esta muralha tem aberturas em forma de portas, defendidas por cubos no eixo oeste – leste. ] dentro de dois torreões. VLE/). Ladeada por dois cubos, o da direita semicircular e moradia sobre a muralha e alongado, o da esquerda, quando foi escavada no ano de 1948 dispunha de uma altura de três metros e meio.

O segundo recinto ou anteacrópolis está delimitado em quase sua totalidade (com exceção do sudeste e do levante) por duas muralhas, com os respectivos poços escavados, e reforçadas em algumas áreas com um parapeito exterior. Estas paredes podem ser abertas em 3 portas, ao oeste, ao leste e ao sul. Todos os quartos estão equipados com torres de flanqueo, alguns deles com corpos de guarda.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: