Susana Estrada: ‘Voltava Louco Tierno Galvan’

Susana Estrada: ‘Voltava Louco Tierno Galvan’

tudo O que tenho claro é que, apesar de terem passado mais de 30 anos, não há tanta diferença com o que acontece hoje em dia. Infelizmente, não mudaram muitas coisas. Acha que ainda temos tanta censura? Agora, há uma censura terrível e uma manipulação impressionante. Os espanhóis queríamos que o Brasil vivesse em uma democracia, e está se tornando uma “dictocracia”. Agora temos mais obrigações do que nunca e os nossos direitos, em muitos casos, estão apenas no papel. Quero dizer que antes podia fazer o que lhe dava a ganhar sempre e quando não se metieras com o Regime.

Agora você pode se meter com os políticos do momento, com o “novo regime”, pouco importa como se chame e as regras que se aplica, mas, como definiu o presidente deste regime? A imagem que dá o senhor Rajoy é o de um boneco de guiñol, mas essa mesma sensação era a que fazia o senhor Sapateiro.

eu Acho que faz muito tempo que não há ninguém que dirija este país com verdadeiro carisma. As pessoas na rua está cansado porque se tem lutado muito para ouvir a opinião generalizada seja: “estamos pior do que antes”, isso é muito triste. Como lhe parece que a justiça deste país está se tornando obsoleto?

Totalmente, não são alterados os códigos penais, e tudo continua como há 50 anos, mas parece que agora tudo é diferente. Desta forma, alguns podem seguir malversando, llevándoselo quente, metendo a mão na gaveta, enriquecendo-se de uma maneira escandalosa. Neste país ninguém vai para a prisão para cumprir uma sentença de acordo com o que foi roubado.

Os juízes nunca obrigam a que se devolva o dinheiro. Aqui, de fato, nunca acontece nada, e isso gera um descontentamento na rua que cresce cada dia mais. Voltando ao senhor Rajoy, Como Todos os presidentes ter mentido. São os mesmos cães com diferentes colares, que o único que tratam é de salvar a sua própria pele acima dos interesses comuns. Eu os cogería a todos eles e os tornaria a viver durante um ano, com o salário base. É absolutamente inadmissível o que está acontecendo e eu me pergunto, por que a gente está engolindo com tudo? Você acredita que é necessária uma reivindicação mais dura e concreta por parte dos cidadãos na rua?

  • James Custos, de Pablo Iglesias: “Te disse o que você queria ouvir
  • Apaixonante jornada da Divisão de Prata
  • Registado em: 22 jul 2008
  • Não. 76 “Terra”
  • Dom Roque trata de fazer guarda na entrada, mas se dói as costas
  • Andrscastillo (discussão) 17:00 6 fev 2018 (UTC)
  • 04:40ProgramaVive da tarde

Absolutamente, é necessário que o povo saia à rua para se recusar a aceitar o que está acontecendo. Se tivesse alguns juízes que não marearan tanto a perdiz, atrasando cada sentença, de forma interminável, tudo seria um pouco mais simples, mas não podemos continuar aceitando o “vale-tudo”. Neste país ninguém tem honra, a nível político, ninguém se demite, aconteça o que acontecer. Tudo isto é demasiado grave para que não tenha um final.

O povo está esquilmado, esmagado pelos impostos, subjugado pelas circunstâncias. Você acha que agora a classe política está mais corrupta que a Transição? Claro que sim. A Transição não se deram essas circunstâncias. Você tentou bastante, naqueles anos? Sim, eu tentei e foi um verdadeiro cavalheiro com honra.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: