O Manual Do Perfeito Sedutor

O Manual Do Perfeito Sedutor

Conquistar uma mulher é, para muitos homens, uma tarefa hercúlea. Cada mulher é diferente, com gostos e ambições diferentes, mas existem algumas orientações que todo homem pode seguir para alcançar o sucesso sentimental. Mario Lua, fundador Sedutores Cientistas nos detalha um decálogo de conquista que tem como pedra angular seducirse a si mesmo. Estar à vontade consigo mesmo é fundamental. O decálogo é baseado em “ativar” o que Mario Lua definido como o ponto GG (vencedor-ganable). “Ela tem que saber que está diante de um vencedor, ao que se pode ganhar”.

Alguém que vale a pena, mas que seja alguém que possa completar. Cada “mandamento” funciona com sinergias entre si. Este primeiro passo é desenvolver isso que definíamos como seducirse a si mesmo. “É uma atitude. Trata-Se de desfrutar, e não tem nada que ver com manipular e, em seguida, ser um miserável”.

Desfrutar do processo é o primeiro passo para ter chances de ganhar. “Um vencedor é porque nunca renuncia a viver estimulado”. Trata-Se, em definitivo, de uma atitude perante a vida. Um Casanova nasce, mas também se faz. Uma atitude positiva e uma auto-estima elevada não só te faz mais vencedor, mas que te faz mais ganable.

Mas não vale ser perfeito, coisa que não existe, porque ela “tem que sentir que você pode completar. Tem que perceber um ponto de vulnerabilidade, que não uma fraqueza”. “Apreciando o processo já é um vencedor. Se você sente que você está ganhando. Ela sente que é especial, e que se ganha com algo que não tem outra mulher”.

Este ponto refere-se a cuidar da sua aparência, mas também sua atitude. A comunicação corporal é extremamente importante. “A sua presença já tem que trazer algo diferente e flertar com o seu comportamento”. Sua presença será muito condicionada pela linguagem não-verbal. “Você deve ser capaz de dominar suas emoções e não ser vítima delas.” Isso guarda relação com o princípio básico: seducirse a si mesmo. Mas nesse processo de gustarse, o Simples, basta ser sincero e agir com segurança.

“O arrogante, na verdade, é inseguro, dedica-se a compensar. A verdadeira segurança não tem medo de mostrar vulnerabilidade”. “A barreira física da criamos nós. Como você vai beijar se não tiver tocado? “. O contato físico faz parte de nossa comunicação, deve apoiar o que dizemos. Este deve ocorrer de forma natural, você tem que estar relaxado e não deve ir desincronizado com o que você diz. Não podem ser gestos extemporáneos.

  • Te vejo pouco, mas te acho muito
  • Adicione umas 3 gotas de óleo de girassol
  • 2 As primeiras aparições e Ravonna
  • As Amazonas aparecem no filme de ação real a Liga da Justiça
  • amor
  • 14:08. Enquanto, Matthews e De Gendt continuam a ser cabeça de carreira
  • Curso do amor

Esse toque intencional deve ser sugestiva e delicado, uma carícia. Um vencedor é protetor e dominante, “mas um domínio suave e arropador, mas firme”. Se o seu contato é frouxo e timorato você vai absorver. Ela vai sentir que você ganha, porque tudo flui de forma natural. Novamente neste ponto, deve tratar-se de uma atitude, “tocar a todo o mundo, para que sempre se saia natural”.

Um vencedor é o escolhido, que se elege a si mesmo. “Não espere que chegue nenhum Morfeo a señalarte com o dedo. Você tem que acreditar em si mesmo”. Creidillo mas não prepotente. Você tem que gostar, porque se você acha repulsivo você vai apanhar”. Mas se você acha intocável, surge a guerra de egos.

“o vencedor não se dá”, tem que ser sempre valorizados, também quando está sozinho. “Não se trata de fingir, mas de evoluir”. Se você pensa que é, você apenas relaxar, e isso afeta todo o resto. “Faça que você pensa até que você acredite de verdade”. Falar a partir da experiência, com muita relevância emocional, tocando suas emoções. Fala em positivo. Dar pena nunca funciona: “se não é vencedor, não o digas.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: