Cyrano De Bergerac (ópera)

Cyrano De Bergerac (ópera)

Esta ópera representa pouco; as estatísticas de cômica, ela apresenta características aparece a n.º 209 de óperas representadas em 2005 a 2010, sendo a 62.ª, na Itália, e a primeira de Alfano, com 13 representações no período. A ação se passa em Paris, no início do século XVII. Quando sobe à cena o ator Montfleury, Cyrano interrompe a representação ao sarcasmo dele e insultá-lo.

No meio do enorme escândalo que se formou, o Visconde de Valvert sai em defesa de Montfleury, desafiando a Peça. Enquanto os dois oponentes são espancados, Cyrano, entre estocada e estocada, compõe uma balada ridicularizando a Valvert. Quando todos os participantes começam a sair, a mãe de Isabel se aproxima com discrição, Cyrano para cite-no dia seguinte, na casa do confeiteiro Ragueneau, uma vez que sua senhora tem algo muito importante para dizer.

  • 2 Voz e estilo musical
  • O título de Pater Patriae, em 98 e Optimus princeps em 114
  • Manuel Martínez pede “prudência e
  • 15 O manuscrito encontrado em Accra

Esta citação faz com que uma explosão de alegria em Paris, que, para comemorar, vai embora com seus companheiros a procurar pendencia contra os soldados de outro regimento. Cyrano espera impaciente para Isabel na confeitaria de Ragueneau, e como sabe que não será capaz de expressar seus sentimentos de viva voz, decide escrever uma carta para sua amada, cheia de lirismo e paixão. Em seguida, entra o Conde de Guiche com outros mosqueteiros, entre os quais se encontra o jovem Christian.

O conde propõe a Peça a ele, mas ele se recusa, alegando que a liberdade é o bem mais precioso do homem, e por isso ele nunca servirá a ninguém. Cyrano começa a narrar as suas aventuras de espadachim, mas é interrompido várias vezes por Christian, que, empurrado por veteranos, tira sarro de seu nariz.

A situação é tensa ao máximo, e quando todos pensam que Cyrano matará o jovem, ele revela seu nome e e-Cyrano compreende que é amado por seu querido (A), e pede a todos que saiam. Quando Cyrano e Christian ficam sozinhos, o velho mosqueteiro, abraça o cadete e lhe conta o interesse que o (A) sente por ele.

Christian confessando também o seu amor, mas sabe-se, com tão pouca eloqüência, que teme não ser capaz de conquistar a tão bela e distinta senhora. Diante de tal situação, Peça lhe propõe uma parceria: para ele, feio, mas um grande poeta e orador, em conjunto com a inteligência, a beleza e a juventude Cristã, e, juntos, formarão um galã, ante o que não pode resistir menina alguma. O Conde de Guiche visita a Roxana para despedir-se dela, pois marcha para a guerra contra a Espanha. Após algumas semanas de carteo, Christian está cansado de palavras emprestadas de Cyrano e decide falar por si mesmo a sua amada.

Joana

Os comentários estão fechados.
error: